RELATO HISTÓRICO DA ABMES

 

HISTÓRIA

A Associação dos Bombeiros Militares do Espírito Santo - ABMES, encontra-se registrada no Cartório de Registro das Pessoas Físicas e Jurídicas, da Cidade de Vitória, Comarca da Capital do Estado do Espírito Santo, Cartório SARLO, datado de 22 de agosto de 2003.

No ano de 1993, através da RESOLUÇÃO Nº 01/82 –ASST/CMT GERAL, publicada no ADITAMENTO Nº 02/83-DF AO BCG 20, DE 28 DE JANEIRO DE 1993, foi APROVADO O FUNDO COOPERATIVISTA DO CORPO DE BOMBEIROS, com a denominação de FUNCOOP/C BOM, sendo que sua FUNDAÇÃO DEU-SE NO DIA 22 DE MARÇO DE 1983 com a posse da Diretoria pela ATA Nº 01, DE 22 DE MARÇO DE 1983, registrada no livro nº 1 de atas do FUNCOOP/C BOM, sendo seu PRIMEIRO PRESIDENTE O ENTÃO TENENTE CORONEL QOPM ADILSON AYRES RIBEIRO.

Ainda no mesmo ano, através da PORTARIA Nº 016-P, de 21 de dezembro de 1993, foi aprovada a MODIFICAÇÃO DO REGULAMENTO DO FUNCOOP/C BOM, com a denominação de Fundo Cooperativista do Grupamento de Bombeiros do Corpo de Bombeiros da Polícia Militar do Estado do Espírito Santo, FUNCOOP/GB.

O REGULAMENTO DO FUNCOOP/GB passou por uma reformulação e após vários estudos, realizados por oficiais do CBMES, APROVOU-SE O ESTATUTO DO FUNDO COOPERATIVISTA DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESPÍRITO SANTO, DENOMINANDO-SE A ENTIDADE DE FUNCOOP/CBMES, cuja homologação foi dada através da Portaria nº 158-N, de 14 de dezembro de 2001, moldando-o à nova realidade pós-emancipação do Corpo de Bombeiros Militar da Polícia Militar do Espírito Santo.

Com o tempo, por força legal, verificou-se a necessidade de desvincular o FUNCOOP/CBMES do Corpo de Bombeiros Militar e, então, na data de 22 de agosto de 2002 a diretoria do FUNCOOP/CBMES, aprovou o seu NOVO ESTATUTO SOCIAL, dando à Assembléia Geral a autonomia necessária às decisões referente ao FUNCOOP/CBMES, inclusive a reformulação do Estatuto Social.

Com a edição da LEI No 10.406, DE 10 DE JANEIRO DE 2002, que aprovou o novo Código Civil Brasileiro, houve-se a necessidade da reformulação do Estatuto do Fundo Cooperativista, adequando-o ao novo Código Civil.

Desta forma, foi apresentada uma minuta do Estatuto à Diretoria do FUNCOOP/CBMES para que pudessem sugerir modificações. Findo o prazo estipulado para apresentação das sugestões, foi elaborada a redação final do Estatuto, apresentando-o à Assembléia Geral para aprovação, o que ocorreu no dia 28 de maio de 2003.


 
  • 22 DE MARÇO DE 1983Fundação

    No ano de 1993, através da RESOLUÇÃO Nº 01/82 –ASST/CMT GERAL, publicada no ADITAMENTO Nº 02/83-DF AO BCG 20, DE 28 DE JANEIRO DE 1993, foi APROVADO O FUNDO COOPERATIVISTA DO CORPO DE BOMBEIROS, com a denominação de FUNCOOP/C BOM, sendo que sua FUNDAÇÃO DEU-SE NO DIA 22 DE MARÇO DE 1983 com a posse da Diretoria pela ATA Nº 01, DE 22 DE MARÇO DE 1983, registrada no livro nº 1 de atas do FUNCOOP/C BOM, sendo seu PRIMEIRO PRESIDENTE O ENTÃO TENENTE CORONEL QOPM ADILSON AYRES RIBEIRO.
  • 14 de dezembro de 2001

    O REGULAMENTO DO FUNCOOP/GB passou por uma reformulação e após vários estudos, realizados por oficiais do CBMES, APROVOU-SE O ESTATUTO DO FUNDO COOPERATIVISTA DO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR DO ESPÍRITO SANTO, DENOMINANDO-SE A ENTIDADE DE FUNCOOP/CBMES, cuja homologação foi dada através da Portaria nº 158-N, de 14 de dezembro de 2001, moldando-o à nova realidade pós-emancipação do Corpo de Bombeiros Militar da Polícia Militar do Espírito Santo.
  • 10 DE JANEIRO DE 2002

    Com a edição da LEI No 10.406, DE 10 DE JANEIRO DE 2002, que aprovou o novo Código Civil Brasileiro, houve-se a necessidade da reformulação do Estatuto do Fundo Cooperativista, adequando-o ao novo Código Civil.
  • 28 de maio de 2003

    Foi apresentada uma minuta do Estatuto à Diretoria do FUNCOOP/CBMES para que pudessem sugerir modificações. Findo o prazo estipulado para apresentação das sugestões, foi elaborada a redação final do Estatuto, apresentando-o à Assembléia Geral para aprovação, o que ocorreu no dia 28 de maio de 2003.